quinta-feira, setembro 13, 2012

Testagens Psicopedagógicas



                    Psicopedagogia Clínica e Institucional Disciplina: Psicopedagogia e o Processo do Raciocínio Lógico Matemático
 

1º EXPERIMENTO: TOTAL DE TRINTA E DOIS

A presente pesquisa foi realizada com uma criança do sexo feminino, com onze anos de idade completos. Os materiais utilizados foram 32 palitos de fósforos, 5 copinhos de requeijão, lápis e folha A3 para registro.
Dando início a entrevista, apresentei os palitos, sem dizer a quantidade total e os cinco copos de requeijão, para a entrevistada, pedi para que ela separasse em cada copinho dez palitos. A menina, entendendo a tarefa pegou os palitos e foi contando um a um formando grupos de dez, conforme mostra a imagem:
Feito a contagem, a menina colocou 10 palitos em cada copo de requeijão e me informou que sobraram dois palitos, e que eles deveriam ficar de fora, pois não tinha quantidade suficiente para formar uma dezena, disse ainda que colocou dez palitos e cada copo e que sobraram dois, totalizando trinta e dois palitos.

 
Peço então para que ela represente com desenhos o que acabamos de fazer. A menina então desenha como foi à experiência detalhadamente.
Para finalizar peço que ela registre agora com números, o total de palitos e que registre também como ela pensou quando separou o material. Logo após, questiono se existem outras formas de representar a quantidade total de palitos. A entrevistada apresenta diferentes formas de registros, utilizando uma grande variedade de sentenças matemáticas, conforme segue a imagem.


CONCLUSÃO: A criança entrevistada encontra-se no nível III D, porque concebeu com facilidade a inclusão hierárquica, além de também conceber que em cada copo tem 10 palitos e que cada palito solto vale um. Que dois copos juntos tem 20 palitos, que em 3 copos tem 30 palitos, e que 32 são 3 grupos de 10 mais duas unidade. Observamos que ao registrar as relações numéricas, a criança entrevistada realiza as operações distintas que também explicitam níveis crescentes de abstrações.


Postar um comentário