segunda-feira, maio 30, 2011

DICAS PARA INICIANTES EM PSICOPEDAGOGIA

http://www.psicopedagogavaleria.com.br/cursos.htm


Sabemos que em nossa área de atuação, como qualquer outra, devemos sempre estar atualizados. foi por este motivo que implantamos as OFICINAS online a fim de nortear e orientar o trabalho voltado á APRENDIZAGEM.
Para os psicopedagogos que desejam atender clínica, recomendo que iniciem pela OFICINA DO DIAGNÓSTICO PSICOPEDAGÓGICO CLÍNICO, e INTERVENÇÕES PSICOPEDAGÓGICAS, ASSIM PARTICIPAM DO GRUPO DE ESTUDOS(PID).
Na OFICINA DO DIAGNÓSTICO PSICOPEDAGÓGICO CLÍNICO, são apresentados os instrumentos de análise diagnóstica e a estrutura das sessões de avaliação. Este é o início com todos os passos para o atendimento psicopedagógico clínico.
Na OFICINA DE INTERVENÇÃO PSICOPEDAGÓGICA, são apresentadas as possibilidades de trabalho psicopedagógico relacionadas com as dificuldades de aprendizagem presentes na realidade escolar, sugerindo abordagens psicopedagógicas , procedimentos e estratégias que possam ser usadas no tratamento.
No GRUPO DE ESTUDOS CONTINUADO (PID), os participantes tem acesso às informações relevantes à psicopedagogia, noticias de concursos, congressos, lançamentos, etc., além de trocar experiências e materiais dentro dos temas de DIAGNÓSTICO E INTERVENÇÃO, esclarecer dúvidas e debatê-las entre todos os participantes via fórum e chat. É concedido o direito de divulgar seus atendimentos psicopedagógicos neste site no link de PROFISSIONAIS.
Após participarem destas três modalidades, recomendo a seguinte sequência de OFICINAS, pois uma complementa a outra:
- PSICOMOTRICIDADE : Oferece odiagnóstico e a intervenção nos problemas psicomotores influenciados na aprendizagem. A estrutura da Educação Psicomotora é a base fundamental para o processo intelectivo e de aprendizagem da criança. O desenvolvimento evolui do geral para o específico; quando uma criança apresenta dificuldades de aprendizagem, o fundo do problema, em grande parte, está no nível das bases do desenvolvimento psicomotor.
- INTERPRETAÇÃO DO DESENHO INFANTIL: estudo das principais teorias do desenho infantil, demonstrando como a interpretação pode auxiliar no desenvolvimento cognitivo, emocional e psicomotor do aluno, e na avaliação psicopedagógica.Tendo a escola, a função de fazer com que a criança melhore a cada dia sua forma de lidar com nosso meio e entender que esse meio não é só físico, mas constantemente influenciado pela emoção, sentimentos e pensamentos, integramos um trabalho de reflexão e ação através do desenho infantil.
- BRINQUEDOTECA: noções de como montar uma brinquedoteca; Identificar o conceito pedagógico sobre o brincar, analisando a organização do espaço da brinquedoteca; intervenção com brinquedos específicos ; Discutir os teóricos sobre educação e ideias sobre brinquedo e o jogo.
- DISLEXIA: Conhecer,identificar e intervir, aprimorando os aspectos relacionados à Dislexia.
- AEE (ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO): aprimorar questões referentes à inclusão dos alunos portadores de necessidades educacionais especiais, bem como avaliar, intervir e refletir sobre a organização do AEE como direito destes educandos.
- DPAC (DISTURBIO DO PROCESSAMENTO AUDITIVO CENTRAL): conhecimento pedagógico na área do Distúrbio do Processamento Auditivo Central - DPAC, desde a identificação ao encaminhamento, levantamento das dificuldades de aprendizagem associadas à alteração do PAC e possíveis intervenções para minimizar o impacto desse transtorno na aprendizagem e no desenvolvimento cognitivo.
- CONSCIÊNCIA FONOLÓGICA: analisar os sons existentes na fala independentemente dos seus significados levando o sujeito a adquirir leitura e escrita competentes, envolvendo a manipulação auditiva e oral dos sons através de atividades direcionadas e específicas de forma lúdica propiciando a interação e participação ativa do mesmo.
- PNL (PROGRAMAÇÃO NEUROLINGUISTICA NAS DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM) - técnicas e estratégias úteis ensinando a usar os recursos que temos em nós mesmos para vencer as dificuldades.
As próximas são de conhecimento e aprimoramento profissional:
- FLORAIS COMO RECURSO AUXILIAR NOS PROBLEMAS DE APRENDIZAGEM: Apresentar os Florais de Bach e orientar no reconhecimento destes como auxilio na melhoria da qualidade de vida de adultos e crianças, de forma simples atuando em seus estados emocionais negativos curando-os e reativando emoções interiores saudáveis, equilibradas e vitais.
- OFICINA TRABALHANDO COM ADOLESCENTES: aponta caminhos que possam trabalhar as questões relacionadas às rotinas de um adolescente de maneira leve e informal. Através de textos reflexivos e questionamentos levando-os a observar suas atitudes e com isso dar o primeiro passo para que as mudanças aconteçam.
- INCLUSÃO DE INTEGRAÇÃO DE PORTADORES DA SÍNDROME DE DOWN:
- Destacar o processo de desenvolvimento das crianças portadoras da Síndrome de Down;
- Ressaltar as dificuldades nas crianças Portadoras da Síndrome bem como suas possibilidades;
- Sugestões de atividades e estratégias de ensino.
- PEDAGOGIA HOSPITALAR: Conscientizar, discutir e ampliar as idéias dos profissionais da educação e da saúde, quanto a proporcionar uma melhor qualidade de vida, para todas as pessoas que requerem um cuidado e um olhar especial para um atendimento individualizado, seja no atendimento domiciliário ou hospitalar
- BRINQUEDOTECA HOSPITALAR:
- Preservar a saúde emocional da criança ou do adolescente, proporcionando oportunidade para brincar, jogar e encontrar parceiros;
- Preparar a criança para situações novas que irá enfrentar, levando-a a familiarizar-se com roupas e instrumentos cirúrgicos de brinquedo por meio de situações lúdicas, a tomar conhecimento de detalhes da vida no hospital e do tratamento a que vai ser submetida;
- Dar continuidade à estimulação de seu desenvolvimento ;
- Proporcionar condições para que a família e os amigos que vão visitar a criança encontrem-se com ela em um ambiente favorável, que não seja deprimente nem vá aumentar a condição de "vítima" em que já se encontra;
- Preparar a criança para o retorno ao lar, depois de uma internação prolongada ou traumática.
- DIREITO EDUCACIONAL: fornece aos profissionais da educação uma analise da legislação para resolução dos conflitos de interesses, relações de consumo, Tribunal de Contas, Verbas Públicas, ECA e outros. Exigindo dos profissionais da Educação uma constante especialização alcançando a órbita do Direito, onde inúmeras leis tratam da questão educacional, tributária e financeira.

AS NOSSAS OFICINAS SÃO RECOMENDADAS A PROFESSORES, PAIS, PSICÓLOGOS, FONOAUDIÓLOGOS,PSICOPEDAGOGOS, ENFIM, EXCETO A OFICINA DO DIAGNOSTICO PSICOPEDAGOGICO A QUAL SOMENTE PSICOPEDAGOGOS FORMADOS OU EM CURSO PODERÃO PARTICIPAR.
Veja o conteúdo de cada OFICINA clicando aqui.
Postar um comentário